Capa e Editorial da Edição nº: 871

Reconhecimento

A palavra da semana com certeza é Reconhecimento, num primeiro momento no sentido de perceber, de notar que homens precisam se cuidar e ir ao médico tanto quanto as mulheres, é novembro, e novembro é azul.

Novembro chama a atenção para o câncer de próstata e que ele é mais comum a partir dos cinquenta anos. Mas é preciso criar o hábito de ir ao urologista, por isso não importa se está com dezoito, vinte e cinco, trinta, quarenta ou cinquenta, é preciso reconhecer a necessidade de se cuidar, até o câncer e as doenças em geral costumam muitas vezes burlar as estatísticas e aparecerem em faixas etárias diversas.

Mas o Novembro está só começando e teremos tempo para estar dando puxões de orelha nos homens para lembrá-los que uma família precisa tanto de mães como de pais. O Reconhecimento do esforço, da dedicação, da preocupação de ir além essa semana se fez presente. A Escola Água Verde e o Projeto Vilas Sustentáveis da Copel foram premiados, a escola pelo avanço no IDEB, a Copel pelo reaproveitamento do lixo orgânico.

Mas a premiação não é o resultado, é na verdade a dedicação e o esforço que tanto os profissionais e famílias envolvidas na escola com a aprendizagem dos alunos, como as pessoas e profissionais ligados ao Projeto Vila Sustentáveis desprenderam para chegar ao bom resultado que chegou. Premia-se o compromisso dessas pessoas com o futuro, com o bem estar de todos.

O prêmio diz obrigado a aquelas pessoas que não pensaram só em si ou simplesmente em cumprir suas funções, ele agradece ao esforço e principalmente o comprometimento com a comunidade e com o outro, é um reconhecimento à solidariedade e à responsabilidade social.

Esse Reconhecimento nos leva a outro reconhecimento, que a transformação social passa necessariamente e volumosamente pelas ações diárias de cada um, pela decisão e escolha entre o só criticar e o fazer, o buscar soluções de cada indivíduo e grupos sociais.

E há duas certezas,que nada se faz por encanto ou num de repente, pois as duas instituições premiadas não obtiveram seus excelentes resultados em uma semana, foram dias,meses, anos se dedicando, acertando, errando, fazendo, refazendo e nunca desistindo, muito pelo contrario, sempre acreditando no outro e que é possível um mundo melhor.

A outra certeza é que quem planta colhe e quem semeia solidariedade, responsabilidade e bem estar social colhe frutos que levam a novas semeaduras e traz uma felicidade e contentamento íntimo tão grande que ele transborda pelos olhos, sorrisos e falas que contagiam quem está próximo a essas pessoas que escolheram ser ação, solução, ao invés de acomodação e reclamação.

Deixe uma resposta

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: