Golpe do whatsApp clonado leva pinhãoenses a fazerem depósito na conta dos golpistas

Foto: Reprodução

Redação Fatos do Iguaçu com 4ºPPMPho

Golpes que envolvem o whatsApp clonado são cada vez mais comuns. Um dos procedimentos mais usados pelos criminosos consiste em acessar ilegalmente as conversas da vítima e se passar por ela para pedir dinheiro a parentes e amigos, que são instruídos a fazer depósitos em contas de terceiros.

Em Pinhão – Pr, não foi diferente, na noite deste sábado (11), compareceu no 4º Pelotão da Policia Militar de Pinhão uma pessoa (feminino), que relatou que seu número do whatsapp tinha sido clonado e foram enviadas mensagens para diversos contatos solicitando depósitos e que algumas pessoas acabaram realizando depósitos em dinheiro na conta bancária dos golpistas. A solicitante informa que não realizou nenhum pedido de empréstimos para seus contatos.


Como se proteger e não ter o WhatsApp clonado?

A forma mais efetiva de se proteger para não ter o WhatsApp clonado é ativar a verificação em duas etapas, em que você cria um segundo código numérico solicitado durante o login no mensageiro. Caso alguém consiga acesso ao seu código de validação de login enviado por SMS, precisará saber também o PIN que você criou, o que torna a liberação da conta mais difícil, já que é uma numeração que só você conhece.

Como ativar no WhatsApp

Passo 1. Acesse as configurações do WhatsApp (no Android, é preciso abrir um menu na parte superior da tela) e acesse a opção “Conta”;

Acesse as configurações da conta no WhatsApp — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Acesse as configurações da conta no WhatsApp — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 2. Selecione a opção “Confirmação em duas etapas” e toque em “Ativar”;

Ative a verificação em duas etapas — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Ative a verificação em duas etapas — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 3. O WhatsApp pedirá que você crie uma senha de seis dígitos. Digite a combinação uma vez, avance, e digite mais uma vez para confirmar;

Crie uma senha para o WhatsApp — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Crie uma senha para o WhatsApp — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 4. Na sequência, informe um endereço de e-mail de uso pessoal e avance. Repita o e-mail e finalize em “Salvar”. Certifique-se de que você tem acesso ao e-mail cadastrado, pois ele será o único canal que poderá ser usado no futuro para redefinir a senha em caso de esquecimento.

Defina um e-mail de recuperação — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Defina um e-mail de recuperação — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Fonte: Techtudo

 

Faça seu comentário

%d blogueiros gostam disto: