Violência doméstica

A PM atendeu na quinta-feira, 23 de julho a mais uma ocorrência de violência doméstica em que uma mulher de 30 anos, moradora do bairro São Cristóvão, relatou que vem sofrendo ameaças de morte pelo seu esposo, 40 anos, dizendo que iria dar-lhe um tiro.

A vítima informou que  ele  possuía uma arma de fogo e que estava com medo de falar perto dele devido às ameaças, e que hoje ameaçou se matar colocando a arma contra o próprio corpo na frente do filho de 6 anos e  entregou a equipe policial uma espingarda calibre 36 e 3 munições  calibre 36 intactas, 2  deflagradas e mais 2 calibre 22.

Como a esposa mostrou interesse em representar contra o autor foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Pinhão-Pr para os procedimentos. Se fez presente o advogado do autor.

Com informação do 4ºPPMPho

LEIA TAMBÉM:

Sexta-feira, 23 tem júri, Nilton de Souza é o réu

PM prende irmãos por desavença sobre herança e apreende armas de fogo

Ex-prefeito de Reserva do Iguaçu é procurado pela polícia


Compartilhe

Veja mais