Operação Lava Jato e nós

Uma notícia que não nos surpreende mais, é saber que, a cada dia, mais políticos e partidos estão envolvidos em corrupção. A partir daí vemos claramente que acabaram os ideais partidários, está tudo corrompido. O que nos dá esperança é saber que existem pessoas sérias que estão lutando por um país mais justo, pessoas que estão combatendo a bandidagem existente no meio político. Muito do que foi descoberto até agora, é devido a Operação Lava Jato, uma força tarefa que tem desbaratado pessoas cujo único objetivo é roubar, manipular, enganar e tudo mais de ruim. O interessante é que a cada dia que passa mais e mais falcatruas são descobertas, desencadeando em outras operações a nível estadual e municipal também; mas de tudo isso vocês já sabem, vamos ao que interessa.

O que a operação Lava Jato nos ensina é, até onde vai a corrupção e maldade humana. Ela nos mostra que a fome pelo ter leva muitos a abrirem mão de princípios e valores, e quanto mais conseguem, mais querem e quanto mais querem, mais se envolvem em esquemas fraudulentos, passando por cima de pessoas para conseguirem o que desejam. Ela nos mostra também o quanto existem pessoas cínicas, que mesmo diante de provas claras, continuam afirmando que são inocentes, se defendendo diante do indefensável. Essa operação nos mostra que, infelizmente, escolhemos mal aqueles que deveriam nos representar, porque na verdade, só representam os seus próprios interesses. Ela nos mostra também que a “mentira tem perna curta”, uma hora ou outra, esses ladrões serão descobertos. Essa operação revela o quanto a justiça em nosso país é lenta, pois muitos corruptos ficam recorrendo e recorrendo e algumas vezes saem impunes.

O que eu e você tem com isso? Pois bem, precisamos nos posicionar em relação ao que é correto e certo. Precisamos defender operações como essa, denunciar o que está errado, não simplesmente na esfera politica mas em todas as áreas. Precisamos antes de tudo fazer o que é certo na nossa caminhada, trilhar o caminho do bem, é sempre a melhor saída, não é porque o fulano ou o ciclano faz o que é errado, que eu vou fazer também.

Para concluir precisamos sempre fazer uma “Operação Lava Jato” em nós mesmos, avaliar nossas motivações, ver se há caminhos, que estamos trilhando, que não valem a pena. A Palavra de Deus diz que o nosso coração é corrupto (Jeremias 17.9), precisamos desconfiar de nós mesmos, analisar a luz da Palavra de Deus para ver se estamos no caminho certo, se as escolhas que fazemos são corretas ou não. Em Provérbios vemos uma séria advertência: “sobre tudo o que deve guardar, guarda o teu coração porque dele procedem as fontes da vida” (Provérbios 4.23). Devemos denunciar aquilo que está errado dentro em nós, guerrear contra nós mesmos dizendo não ao que é errado, não as intenções corruptas de nosso coração, não ao que pode ser destrutivo para a nossa vida e daqueles que nos cercam. Precisamos que Deus ilumine nosso caminho e de nossa nação. Fica a dica!!!

Rev Sandro Carvalho Rodrigues – pastor da Igreja Presbiteriana do Pinhão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − três =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: