Fórum da Comarca de Pinhão (Foto: Arquivo/Fatos do Iguaçu)

Indeferido o pedido de liminar do ex-prefeito José Vitorino para suspender as sessões da Câmara Municipal desta segunda-feira,30

Redação Fatos do Iguaçu

O juiz de direito da Vara da Fazenda Pública de Pinhão-Pr – Comarca de Pinhão, Gabriel Leão de Oliveira, indeferiu o pedido de liminar feito pelo ex-prefeito José Vitorino Prestes para  suspender as duas sessões que serão realizadas pela Câmara Municipal de Pinhão nesta noite de segunda-feira,30, para julgamento das contas do poder executivo relativo aos exercícios financeiros de 2006 e 2010 de responsabilidade do ex-prefeito José Vitorino Prestes.

O ex-prefeito Vitorino alegou que o legislativo violou os princípios da ampla defesa e do contraditório.

LEIA TAMBÉM:

Vereadores julgam as contas de 2006 e 2010 do ex-prefeito José Vitorino em duas sessões nesta segunda-feira,30

Faça seu comentário