Reserva do Iguaçu: Prefeito determina toque de recolher no município e fechamento do comércio

Fachada do Paço Municipal de Reserva do Iguaçu | Foto: Arquivo/Fatos do Iguaçu

Por Naor Coelho

O prefeito de Reserva do Iguaçu – Pr, Sebastião Campos (MDB), emitiu decreto na tarde deste sábado, 21, estabelecendo o toque de  recolher no município por tempo indeterminado no período das 19 horas às 6 horas.

 O decreto também suspende a partir desde as 18 horas de hoje o atendimento presencial no comércio em geral, prestadores de serviço, restaurantes, bares e lanchonetes, lojas de produtos para animais, papelarias, cooperativas, associações, igrejas, templos, salões de beleza, barbearias e empresas em geral.

As atividades essenciais, como serviços de saúde, farmácias, laboratórios, postos de combustíveis, bancos, cooperativas de crédito, casas lotéricas, serviços funerários, mercados, supermercados e padarias poderão ser mantidas desde que cumpram as seguintes regras: atendimento limitado de pessoas, controlado por senhas, de forma que evitem filas e aglomerações dentro e fora do estabelecimento,  caso  não seja possível evitar filas ou agrupamentos, que seja respeitada a distância mínima de 2 metros entre as pessoas, higienização frequente do estabelecimento com sabonete líquido, papel toalha descartável e álcool, disponibilizar em seu recinto, para clientes, colaboradores e fornecedores estrutura para higienização pessoal.

O não cumprimento das medidas  determinadas pelo decreto, o infrator pode sofrer multa diária de R$ 500,00.

 

Confira a íntegra do decreto:

Decreto 59 2020 Covid Comércio

 

Deixe uma resposta

error: Alerta: O conteúdo está protegido !!
WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: