Viatura policial

Redação Fatos do Iguaçu

Nos primeiros minutos  deste domingo, 31/01, compareceu ao plantão do 4º Pelotão da Polícia Militar de Pinhão-Pr, uma senhora  e informou que encontrou a pessoa de  A.A. seu conhecido em uma distribuidora de bebidas, onde tiveram um desentendimento  e  este empurrou-a e em seguida danificou seu veículo VW Parati com socos, quebrando o para-brisas e ainda causou  amassados na porta direita e que ele  também teria agredido seu marido A. R. F. L. de 22 anos com socos, causando hematomas em sua boca.

De acordo com  a declarante,  o veículo pertence a seu irmão com quem o agressor tem desavenças. Segundo  ela, o agressor estava  com um veículo VW Saveiro cor branca, e mais duas pessoas conhecidas que também participaram das agressões.

A equipe foi até o estabelecimento comercial e realizou patrulhamento pela cidade não sendo localizado o acusado.

 A solicitante complementou dizendo que sua filha menor estava no veículo e se assustou com a situação.

 As partes foram orientadas a procurar a Delegacia da Polícia Civil para providenciar o laudo de lesão corporal e demais providências legais.

Com informação do 4ºPPMPho

Não foi bem assim

Entrou em contato com a redação uma das pessoas envolvidas informando que o caso não ocorreu em uma distribuidora de bebidas e o que o veiculo é de sua propriedade e não de seu irmão, e que não houve desentendimento, a pessoa não é sua conhecida, ele chegou sem motivo algum agredindo todos nós e nosso carro porque estava bêbado.

N.R. Os fatos descritos na reportagem estão no boletim distribuído nesta manhã para os órgãos de imprensa pelo 4ºPPMPho.

 


Compartilhe

Veja mais