Rev. Sandro

É muito desanimador quando atitudes, discursos, posturas que parecem fazer diferença, não fazem diferença alguma. É desesperançoso, quando decisões que parecem boas, são inúteis e sem valor algum na prática. É assim em muitos lares, pais que tem um discurso que traz tanta esperança, mas a prática é contraditória, filhos que prometem honrar seus pais, mas na prática os tratam com desrespeito.

É assim, infelizmente na política, há tantos discursos e promessas que são tão relevantes, trazendo esperança e melhorias para todos, mas na prática, demoram, demoram e quando chegam, já se passaram anos e anos, sem falar naqueles que até já se foram, mas em vida esperaram o tão sonhado asfalto, o investimento em saúde, e tantas outras coisas mais. Falando nisso, já começaram as visitas de deputados e futuros candidatos, e não quero ser injusto com aqueles que fazem sua obrigação de trazer investimentos para suprir as reais necessidades da região, agora é bem verdade que poderiam fazer bem mais diferença, inclusive enxugando os cargos comissionados, bem como seus altos salários e verbas, mas esse tipo de diferença eles não querem fazer.

Há tantos investimentos que fizeram sim diferença para nossa região, um exemplo é o aslfato entre Pinhão e Reserva do Iguaçu, foi uma grande conquista, mas é preciso lembrar que era uma promessa que deveria ser entregue muitos anos antes, da mesma forma a ligação entre Pinhão e Candói, já poderia ter acontecido. São promessas de investimentos futuros que poderiam ter acontecido já, mas ficam cozinhando o povo em banho maria. A questão do Faxinal do Céu, uma megaestrutura que, poderia ser utilizada para uma variedade de investimentos, mas que corre sérios riscos, por falta de planejamento e visão daqueles que poderiam trazer investimentos ali, mas que neste ano eleitoral só fazem promessas eleitoreiras, promessas que parecem ser boas, mas apenas parecem. Outra questão séria é a educação, foi noticiado aumento de salário dos professores, mas que na prática, chegaram algumas migalhas, o mesmo se dá em outras esferas da educação, um discurso atraente, mas que na prática não é bem assim. Precisamos estar atentos aqueles que de fato fazem diferença na prática, aqueles cujo discurso traz esperança e cuja prática, traz mudanças reais e transformadoras. Cuidado para não se encantar com as migalhas, sendo que na prática, poderia  e deveria ser um banquete.

A diferença que faz diferença, afeta positivamente a vida das pessoas, não simplesmente num futuro distante e sim no presente. a diferença é mais que uma creche ou posto construído, é o investimento em gente capacitada, em mão de obra, em médicos. Estruturas bonitas sem pessoas para trabalhar, não faz diferença. O grande problema hoje, são aqueles que, devido a questão partidária, são cegos e surdos, não conseguindo perceber que a diferença que muitos partidos prometem fazer, é apenas uma ideologia que não se transforma em algo prático, em outras palavras é um discurso sobre fazer diferença mas que não faz diferença alguma.

Calma, não desanima não, há esperança sim, verdadeira e real, há esperança para pais que reconhecem seus erros e buscam melhorar de fato, há esperança para filhos que caem em si e recomeçam do jeito certo, há esperança para cidade, para o Estado e nação, e essa esperança tem um nome – DEUS. Como já afirma a Bíblia Sagrada – “Feliz a nação cujo Deus é o Senhor”. Quando olhamos o mundo pelas lentes das Escrituras, o nosso olhar fica diferente e as nossas atitudes também. Há muitas histórias de recomeços extraordinários, a sua pode ser assim também.

Há muitas histórias de recomeços fantásticos de cidades, países afetados por tragédias, que hoje vivem uma nova história, isso mostra que há diferenças que de fato fazem diferença. Que Deus nos ajude a fazermos diferença, começando da nossa casa, de nossas posturas como cidadãos e eleitores. Que Deus nos livre dos discursos inúteis e irrelevantes. Que Deus nos livre de uma vida indiferente.

Rev Sandro – pastor da Igreja Presbiteriana de Pinhão

Clique  👉 AQUI   – PARA LER OUTROS ARTIGOS


Compartilhe

Veja mais