Seu jeans usado pode gerar renda a uma família

As voluntarias Vilma Ferreira Kitcky, Marisa Aparecida Oliveira Caldas, Zeneida de Mattos, e Iraci Moreto | Foto: Nara Coelho/Fatos do Iguaçu

Por Nara Coelho

Buscando dar uma oportunidade de desenvolvimento social e também promover a geração de renda para melhorar a vida nos bairros, algumas mulheres decidiram arregaçar as mangas e propor o Projeto: Felicidade em Produção, que já vem acontecendo desde janeiro nos bairros Invernadinha e Dois Irmãos.

Felicidade em Produção

As voluntarias Zeneida de Mattos, Vilma Ferreira Kitcky, Marisa Aparecida Oliveira Caldas e Iraci Moreto, que junto com a dona Lourdes Zambruski e a Nanci da Vila Caldas estão ‘a frente do Projeto Felicidade em Produção, contam que a proposta é trabalhar com as mulheres buscando levar a elas uma melhor perspectiva de vida, uma consciência ambiental e promover uma oportunidade de geração de renda.

Os encontros semanais proporcionam um espaço para falarem de si e juntas buscarem formas de ampliar a renda familiar, “A meta é ter um encontro semanal que seja fraterno, de uma boa convivência social e também promova uma produção que leve ‘a geração de renda”, explicou Zeneida.

Os encontros acontecem nas tardes de quarta-feira no bairro Dois Irmãos e nas quintas-feiras na Invernadinha. “Percebemos que boa parte das mulheres que estão nos bairros, que ficam em casa cuidando dos seus filhos e afazeres tem baixa autoestima, elas  desvalorizam seus trabalhos, a idéia é dar a elas  uma perspectiva de vida”, acrescentou Vilma.

Durante os encontros, segundo as voluntarias, acontecem momentos de partilha, onde as mulheres conversam, falam sobre seus problemas e sonhos, de oração, de confraternização e de produção. “Nos aprendemos muito, elas vivenciam situações que nós não imaginávamos que uma pessoa pudesse passar, na verdade nós que vamos até elas, aprendemos e muito com elas, são momentos marcantes” destacou Iraci.

O JEANS

A produção dos trabalhos começaram pensando em artesanato com material reciclado em crochê, tricô e costura. As voluntarias foram percebendo que a grande maioria das mulheres nunca tinha tido contato com uma máquina de costura, ou mesmo sabiam fazer costuras manuais, “O trabalho começou bem básico, e ainda estamos engatinhando na preparação delas, mas é muito bom ver o quanto elas ficam felizes quando conseguem realizar uma costura”

A própria circunstancia foi indicando que trabalhar com jeans usado, transformando em bolsa, mochilas de escola e outras coisas seria um ótimo caminho. ”Estamos qualificando essas mulheres oferecendo curso de corte e costura pela secretaria de industria e Comércio, uma delas já está trabalhando registrada na empresa GG”, contou Vilma.

A ENCOMENDA

Nesses dois grupos as mulheres tem produzido puf de garrafa peti  e fuxico, bolsas jeans, para alegria delas, algumas lojas fizeram a encomenda de bolsas e a secretaria de Urbanismo, Habitação e Meio Ambiente, por meio da COMUP, fez uma encomenda de duas mil bolsas grandes para o recolhimento do lixo reciclado.

10 MIL JEANS

Para dar conta das encomendas, o Projeto Felicidade em Produção, precisa e muito da colaboração da população, pois precisam reunir 10 mil calças jeans. “Pode ser também jaqueta, bermuda, coletes jeans, tudo para nós será útil, também precisamos de blusinhas de malha que as pessoas não queiram mais, pois transformamos em retalhos e fazemos os fuxicos”, lembrou Marisa.

VOCÊ PODE COLOBORAR

Quem desejar pode colaborar de duas maneiras, uma é ser colaboradora no projeto, para isso basta procurar uma das voluntarias que já estão engajadas.

“o próprio Projeto vai nos ensinando, temos enfrentado dificuldades, mas com dialogo e humildade vamos vencendo e melhorando, a idéia é crescer,  estamos abertos a diálogo para quem quiser vir nos ajudar”, destacaram Vilma e Zeneida.

Outra maneira de ajudar é doando jeans, e podem acreditar, uma peça esta fazendo a diferença para elas. Além do jeans podem ser doados retalhos, roupas de malha e garrafas peti.

Os pontos de recolhimento são na casa paroquial, prefeitura,  Correios,  rádio  Pioneira, Supermecado JM, Dani Confecções e na Loja Pedra Calçados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × três =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: