Santos e Fla vencem clássicos; Galo e Cruzeiro ficam no empate

Derlis Gonzáles fez o segundo e sacramentou a vitória do peixe. | Foto: Ivan Storti

Inter perde em casa e se complica na tabela

Por Raphael Costa

A rodada dos estaduais veio recheada de clássicos para todos os gostos em muitas partes do Brasil.

No primeiro clássico do Paulistão, domínio santista. Na terceira partida sob o comando do técnico argentino Jorge Sampaoli, o Santos venceu sem sustos em duelo contra o São Paulo, no Pacaembu. Dois a zero para o Peixe, gols de Luís Felipe e Derlís Gonzáles.

Quem também venceu por dois a zero foi o Palmeiras, que derrotou o São Caetano fora de casa. Borja e Luan fizeram os gols. O Corinthians venceu a primeira na competição, depois de bater a Ponte Preta em casa por um a zero. Mais um gol marcado pelo atacante Gustavo.

Também teve o primeiro clássico no Carioca no Engenhão. Botafogo e Flamengo se enfrentaram na partida que marcou o pior público entre grandes no estádio cedido ao Fogão. Quem brilhou logo na estreia foi Bruno Henrique.

O Fogão saiu na frente aos 24 do primeiro tempo com João Paulo. No intervalo, Abel tirou Vitinho para colocar o último reforço Rubro-Negro em campo e ele correspondeu. Aos 18 minutos, Bruno Henrique subiu mais que todo mundo após cobrança de escanteio e deixou tudo igual. Aos 25, após bobeira na zaga adversária, mais uma vez Bruno Henrique apareceu e decidiu pra o Fla. Botafogo um, Flamengo dois.

Embalado, o Vasco derrotou o Americano por um a zero e manteve os 100% de aproveitamento. No Maracanã, o Fluminense venceu a segunda depois de bater a Portuguesa do Rio de Janeiro por três a um.

Muita emoção e polêmica no Campeonato Mineiro. Antes da bola rolar no clássico entre Cruzeiro e Atlético Mineiro, a comoção de torcedores e jogadores com a tragédia de Brumadinho era evidente. Com a bola rolando, a mesma rivalidade de sempre.

Na segunda etapa, Fred sofreu pênalti e abriu o placar para a Raposa. Pouco tempo depois, Dedé fez pênalti infantil em Chará. Fábio Santos bateu e deixou tudo igual. Cruzeiro um, Atlético Mineiro um. Líder do estadual, o América Mineiro atropelou o Tupi: cinco a zero.

No Gaúchão, tropeço colorado. O São José recebeu o Internacional em casa e venceu por dois a zero, na partida que ficou marcada pelo gramado sintético que chegou aos 60 graus de temperatura.

Pelo Paranaense, o Athlético venceu o Rio Branco por dois a zero. O Coritiba não saiu do zero a zero contra o Toledo, mesmo placar de Maringá e Paraná.

Clássicos no Catarinense. No duelo de Floripa, o Figueira foi melhor e bateu o Avaí por um a zero no Orlando Scarpelli.

O Joinville perdeu mais uma, dessa vez para a Chapecoense: dois a um. No Heriberto Hulse, deu Criciúma, um a zero para cima do Tubarão..

Nesta segunda, o Grêmio enfrenta o Juventude em casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 17 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: