Respeito aos mais velhos

É triste observar a coisificação das pessoas em nosso tempo. Sou de um tempo em que criança não podia interromper a conversa dos adultos. Na hora da refeição, os mais velhos se serviam primeiro; ai, se chamasse um senhor ou senhora de você.

Pois bem, creio que hoje há um outro extremo, um desrespeito e um esquecimento daqueles que tem uma vasta experiência de vida, que tem muito mais histórias para contar do que para viver. Existem pais que doaram e doam a sua vida em prol dos filhos, mas quando os filhos estão bem estabilizados, se esquecem dos pais, viajam com amigos, mas não convidam os pais, sempre estão atualizando os moveis de sua casa, mas seus pais estão com aquele fogão velho, do início da caminhada; ligam e conversam com muita gente, mas tem pouco tempo para os seus pais e avós.

Enfim creio que existem aqueles que são exemplos de cuidado para com os mais velhos, mas existem aqueles que de maneira sórdida e cruel, entristecem e oprimem os mais velhos. São muitos os casos de aposentados que estão endividados com empréstimos feitos pelos filhos. Idosos que são trazidos no Lar do Idoso e são esquecidos por seus filhos, alguns casos, os filhos não acompanham nem o funeral.

É necessário respeitarmos, amarmos, cuidarmos daqueles que tem mais experiência de vida. É triste ver que mesmo com estatuto para os idosos, os mesmos ainda encontram dificuldade. Na verdade, dar o lugar para um idoso, priorizar o idoso na fila, deixar que o mesmo estacione primeiro, e outros mais, deveria ser algo normal, óbvio, mas infelizmente, mesmo com placas, sinalizações e outros mais, existe desrespeito para aqueles que estão na melhor idade.

Portanto, obedeçamos um princípio bíblico que diz “Ouça o seu pai, que o gerou; não despreze sua mãe quando ela envelhecer. ” (Provérbios 23.22); ainda em outro versículo “Da mesma forma, jovens, sujeitem-se aos mais velhos. Sejam todos humildes uns para com os outros, porque “Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes” (I Pedro 5.5). Não é porque você se casou, e tem uma vida estabilizada, que não deve ouvir os conselhos de seus pais, dos mais velhos. Honrem os mais velhos com palavras e atitudes. Converse mais, ouça mais as histórias, os conselhos dos idosos, pois há riqueza de lições nas batalhas vencidas por eles no decorrer da história. Seus conselhos nos ajudam nas escolhas e decisões que devemos tomar.

Que o Eterno Deus abençoe a todos aqueles que tem muito a nos ensinar e que tem muito para se viver ainda. Não dê o lugar para idoso por constrangimento e sim por honra e amor, mais respeito aos mais velhos. Invista naqueles que já investiram tanto na sua vida.

Rev Sandropastor da Igreja Presbiteriana do Pinhão

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: