Enfermeiro Samoel Ribeiro, coordenador do Setor de Epidemiologia e Alain Cesar de Abreu, secretário de Saúde | Foto: Nara Coelho

Pinhão: 267 Trabalhadores da Saúde já foram vacinados

Município  receberá até sexta-feira mais uma remessa de vacina

Redação Fatos do Iguaçu

Na quarta-feira, 20, iniciou a vacinação contra a Covid-19, primeira dose no municipio de Pinhão/PR. O primeiro lote de vacinas foi da CoronaVac e vieram 205 doses. Em uma segunda remessa vieram 120 doses da vacina Oxford, totalizando até esse momento 325.

QUESTIONAMENTOS

O Fatos do Iguaçu recebeu questionamentos por parte de alguns pinhãoenses sobre algumas pessoas que estariam sendo vacinadas quando deveriam ser vacinados os profissionais que estavam na linha de frente de combate a Covid-19.

A repórter Nara Coelho, para buscar levar esclarecimentos à população, na tarde de terça-feira, 26, esteve com o secretário municipal de Saúde, Alain Cesar de Abreu e com o enfermeiro Samoel Ribeiro, que coordenam o setor de epidemiologia no município.

PINHÃO TEM 430 TRABALHADORES DA SAÚDE

Samoel fez o primeiro esclarecimento sobre quais as categorias de quem trabalha com a saúde, “Em Pinhão, entre a rede privada e a rede pública, se tem como registro no Ministério da Saúde 430 trabalhadores que atuam na saúde, seja nos postos de saúde, hospital, clínicas, farmácias, laboratórios, é a mesma base de dados que usamos para aplicar a vacina da H1N1. Priorizamos os trabalhadores que estavam na ativa, pois estamos com alguns funcionários de férias, vacinamos como recomendação do Ministério da Saúde os trabalhadores e idosos do lar São Francisco, os que atuam no Sentinela, de algumas farmácias e do hospital, que estão na linha de frente”.

A PRIMEIRA FASE DA VACINAÇÃO

Segundo a determinação do Ministério de Saúde, a primeira fase terá como prioridade trabalhadores de saúde, pessoas de 75 anos ou mais e idosos em instituições de longa permanência (como asilos), bem como povos indígenas. “Nós estamos cumprindo a determinação, vacinamos as equipes do Sentinela, do posto aqui e dos PFS que estão funcionando, os idosos e os profissionais que atuam no Lar São Francisco. Nesse momento nós estamos com vários funcionários em férias e nós demos prioridades aos profissionais que estão atuando e com isso, já pudemos ir vacinando os que trabalham no hospital, de algumas farmácias, clínicas odontológicas e outras da área da saúde” explicou o secretário de saúde. 

Segundo Samoel, os agentes comunitários foram avisados pelo grupo de WhatsApp que devem comparecer à sala de vacinação para tomarem a primeira dose da vacina, porém, vários ainda não compareceram.

267 TRABALHADORES DA SAÚDE JÁ FORAM VACINADOS

Dos 430 trabalhadores da saúde do município de Pinhão, 267 já foram vacinados e 32 pacientes idosos que vivem no Lar São Francisco.

Durante a vacinação, todos que atuam na equipe são vacinados, secretários, auxiliares de limpeza. “É preciso vacinar todos, pois só assim se garante digamos o bloqueio do vírus, se ficar um sem vacinar fica uma porta de entrada naquele local”.

Alain explicou que todos que estão tomando a vacina, imediatamente têm seus nomes e número de documento incluídos no sistema do Ministério da Saúde que a 5ª Regional tem acesso.

NOVA REMESSA CHEGA ESSA SEMANA

O Paraná recebeu na manhã de terça-feira, 26, mais um lote de vacinas, “No máximo, até sexta-feira estaremos recebendo mais uma remessa de vacinas, que esperamos com elas finalizar a primeira dose em todos os profissionais da saúde do município”, explicou Samoel.

CONFIRA AS ETAPAS DE VACINAÇÃO

ETAPASGRUPO A SER VACINADO
1ª EtapaPrimeiros profissionais da saúde e idosos em instituições em seguida pessoas com 75 anos ou mais e indígenas
2ª EtapaIdosos de 60 a 74 anos
3ª EtapaPessoas com comorbidades, que favoreçam o agravamento do quadro a partir da covid-19. Entre as doenças crônicas incluídas estão as cardiopatias e doenças renais crônicas.
4ª EtapaProfessores, forças de segurança, trabalhadores do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

.

Faça seu comentário