MTG: Amanda Syroca é Braço de Ouro

Com 14 anos Amanda vence laçadores veteranos, a maioria dos competidores com o dobro e até o triplo da sua idade.

“Deram uma boneca para ela, que não sabia o que fazer. Deram um laço e olha o estrago que ela vai fazer”, esta foi a definição que Amanda Souza Syroca, juntamente com uma torcida muito animada ouviu após conquistar o título de campeã do Braço de Ouro durante o Campeonato de Laço Cumprido, realizado no domingo, dia 20, no Parque Coronel Lustosa, em Pinhão.

Com apenas 14 anos a jovem deixa transparecer a timidez e ao mesmo tempo a felicidade de conquistar um título tão importante para os apreciadores do campeirismo e do laço. Muito orgulhoso, o pai, Luciano Syroca, explica que ao longo do ano houve oito etapas disputadas nas categorias prendinha, prenda juvenil, da qual Amanda faz parte, prenda, piazinho, guri, dupla de rapazes, pai e filho, três gerações, patrão coordenador, máster e armadinha adulto. “Neste dia os campeões de cada modalidade se reúnem para disputar a grande final e Amanda superou todos, a maioria dos competidores tinha o dobro e até o triplo da idade dela. Foi a primeira vez que a 8ª Região do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) composto pelos CTGs de Pinhão e Reserva do Iguaçu organizaram o campeonato em Pinhão”, contou.

Amanda revelou que aprendeu a arte do Laço com o pai, mas que a família tem outros competidores. “Acompanhava o meu pai nos treinos desde os sete anos e fui aprendendo aos poucos. Tenho outros tios e primos que também participam de disputas como estas. O campeonato tinha como favorito o meu amigo Thomas Vinicius Leal e chegamos à final juntos, disputando laço a laço e no final o troféu ficou comigo, mas recebi das mão dele, de Thomas”.

A próxima disputa será o Campeonato Regional em Pato Branco entre os dias 01 a 4 de dezembro e os campeões seguem para o Campeonato  Regional, que ainda não tem data e local definidos.  “Já estamos treinando, afinal,  temos um título a disputar, quero agradecer aos familiares, amigos, companheiros de equipe e a torcida, que me motivou muito”, disse Amanda.

VETERINÁRIA

Com tanta influência no meio rural e a paixão pelo laço, apesar de estar finalizando o Ensino Fundamental, Amanda tem duas certezas: continuará disputando provas de laço comprido e no futuro pretende se formar em Medicina Veterinária, uma relação  que  já provou dar certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 4 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: