MP-PR firma TAC com sorveteria para combater trabalho infantil

A Promotoria de Justiça de Cantagalo, no Centro-Sul paranaense, firmou nesta quinta-feira, 22 de setembro, termo de ajustamento de conduta (TAC) com o proprietário de uma sorveteria que utilizava o trabalho de crianças e adolescentes com menos 16 anos. A gerente do estabelecimento também assinou o termo de compromisso, que prevê multa e acionamento judicial em caso de novas contratações irregulares.
Flagrante de trabalho infantil na sorveteria foi feito durante as festividades do feriado de 7 de setembro. Na ocasião, um grupo de crianças e adolescentes foi observado comercializando sorvetes em carrinhos da sorveteria. Com o apoio do Conselho Tutelar, eles foram ouvidos e encaminhados para suas famílias. Os carrinhos de sorvete e o dinheiro em posse das crianças e adolescentes foram apreendidos pela Polícia Militar do Paraná.
A fiscalização do cumprimento dos termos do acordo ficará a cargo do Ministério Público do Trabalho, por meio da Delegacia Regional do Trabalho, do MP-PR, do Conselho Tutelar Municipal e de outros órgãos públicos encarregados da proteção e defesa dos interesses de crianças e adolescentes. Em caso de eventual multa por descumprimento, os valores serão destinados ao Fundo Municipal da Infância e Adolescência (FIA).

Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Paraná

Deixe uma resposta

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: