‘Morar Legal’ entrega mais de 200 matrículas

O programa beneficia as famílias que possuem imóveis em Pinhão e não tinham a escritura de seus terrenos

Mais de 700 pessoas compareceram na cerimônia de entrega das matrículas de Regularização Fundiária do Programa ‘Morar Legal, Família Feliz’, realizada no Salão de Festas da Igreja Matriz Divino Espírito Santo, na sexta-feira, dia 17 de junho.

O programa visa beneficiar as famílias que possuem imóveis em Pinhão e por falta de condição financeira, orientação jurídica, documentação e outros fatores, ainda não tinham a escritura de seus terrenos. Em sua primeira fase foram entregues cerca de 300 títulos aos moradores dos bairros Invernadinha I e II e do Loteamento Ferreira, localizado no bairro Nossa Senhora Aparecida.

O prefeito Dirceu de Oliveira frisou que agora esta fatia da população viverá um tempo novo. “Temos muitos problemas de regularização fundiária tanto na cidade como no interior que impede o crescimento e desenvolvimento de Pinhão. Hoje testemunhamos o momento em que vocês recebem nas mãos este documento. A nossa meta é entregar o mesmo documento para mais 300 proprietários, alcançando assim nossa meta, que é de 500 regularizações. O programa deverá aos poucos amenizar esse problema. Começamos pelo bairro Invernadinha, por serem os mais necessitados.Tínhamos um grupo de pessoas que não acreditava que poderíamos realizar este trabalho, mas vencemos todas as dificuldades e hoje é dia de comemorar”.

OUTROS BENEFÍCIOS

O presidente do Comitê Gestor de Regularização Fundiária e secretário de Finanças, João Carlos Almeida, disse que durante a caminhada houve alguns entraves, a burocracia da documentação, a necessidade de se contratar uma empresa terceirizada para dar conta do processo que exigia profissionais com conhecimento técnico e superar, principalmente o desgaste com comentários que se opunham à realização desse trabalho.

Mas também frisou os benefícios que vieram com o investimento na regularização. “O município investiu, por imóvel, cerca de 1.200 reais, que se tornaram irrisórios diante de benefícios que já ocorreram, como a instalação da luz no bairro Invernadinha, pois devido ao Programa de Regularização, a energia elétrica teve  custo zero para o Município e era um sonho acalentado há mais de 15 anos por muitos que escolheram aquele lugar para construir o seu lar”.

O deputado estadual Bernardo Ribas Carli mencionou ser uma noite especial. “Muitos estão realizando o sonho de uma vida toda, que hoje passam a ser oficialmente donos de seus imóveis. Há mais de dois anos o prefeito Dirceu já comentava conosco sobre a sua preocupação em regularizar estes lotes. Estamos satisfeitos em poder compartilhar este momento, que ficará na memoria de todos nós”.

O empresário Edson Henrique, proprietário da empresa Henrique Assessoria e Consultoria Pública, agradeceu à administração municipal pela confiança depositada em sua empresa para desenvolver esse trabalho e fez alguns agradecimentos especiais. Com um cântico, louvou o senhor nosso Deus, em seguida, presenteou a esposa, Milene Diana Denaglia de Melo, a arquiteta Elenice Tesseroli, a secretária de Assistência Social, Lucimere Terleski de Oliveira, e a ex-colaboradora Maryneide Alves de Melo.

EXEMPLO PARA O PARANÁ

O engenheiro civil da Cohapar, Paulo Dirceu Rosa de Souza, compartilhou com os presentes que o programa ‘Morar Legal, Família Feliz’ de Pinhão será tomado como exemplo para o Paraná. “Já entregamos algumas casas no município e hoje venho aqui para parabenizar o prefeito Dirceu de Oliveira e todos os envolvidos nesse programa. A Cohapar tem um departamento especializado em fazer a regularização fundiária que atende a todo o nosso estado. A data de hoje é um divisor de águas para este setor, pois este programa que aqui foi planejado e implantado servirá de modelo e será adotado em todo o Paraná. Em breve teremos uma licitação para 700 lotes, onde faremos a regularização através da parceria da Cohapar e prefeitura de Pinhão. É um compromisso do presidente Abelardo Lupion”.

VIDA NOVA

João Maria e Viviane (Forto:  Gisele de Pádua/Fatos do Iguaçu)
João Maria e Viviane (Forto: Gisele de Pádua/Fatos do Iguaçu)

A perspectiva de uma vida nova foi relatada por alguns moradores. João Maria Rodrigues e a esposa Viviane dos Santos residem na Travessa Lindouro Lisboa, no Invernadinha, desempregados eles trabalham na colheita da batata. “Com este documento teremos um endereço fixo e buscaremos um trabalho onde nos permita comprovar a nossa renda e, assim, financiar a reforma de nossa casa”, confessou Viviane.

Pompilio e Idalina (Foto: Naor Coelho/Fatos do Iguaçu)
Pompilio e Idalina (Foto: Naor Coelho/Fatos do Iguaçu)

Casados há mais de 60 anos, os aposentados Idalina Delgado da Silva, de 77 anos e Pompílio Neves da Silva, de 80 anos, que também residem no bairro Invernadinha, na Rua Projetada, contaram um pouco de seus planos. “Achei que não viveria para presenciar este dia. Trabalhamos a vida inteira na roça, onde criamos nossos 10 filhos. Hoje estamos aposentados e poder ter um documento destes nas mãos é de muito orgulho, vou guardá-lo com muito carinho”, disse Pompílio. E a esposa completa: “nossa vida vai melhorar, vamos arrumar a nossa casa, mas o que vai ficar faltando é uma linha de ônibus, pois para nós é muito longe vim a pé de lá até o centro de Pinhão”.

Prefeito Dirceu e  Ezilda (Foto: Assessoria de Imprensa/PMP)
Prefeito Dirceu e Ezilda (Foto: Assessoria de Imprensa/PMP)

A pensionista Ezilda da Silva mora no Loteamento Ferreira e também assinou seu documento com grande alegria. “Fiquei viúva e me mudei para a sede de Pinhão, morei de aluguel por quatro anos, até que um dia o dono do imóvel me propôs pagar o lote em prestações, foram mais quatro anos para quitar. No dia que paguei a última prestação fiquei sabendo do programa, me inscrevi e fui contemplada. Já fiz algumas reformas e agora sem despesas vou poder pagar a faculdade de minha filha, que vai prestar vestibular para Psicologia, será mais um sonho realizado”.

Foi servido um coquetel aos presentes, que contou com a colaboração dos servidores da Secretaria de Assistência Social e de Educação.

Participaram do evento os secretários municipais de Administração, Jorge Sens; de Indústria e Comércio, Adriana de Moraes; de Educação, Shalimara Mandziuk; de obras, Mário Celso d’Oliveira. Também o chefe de gabinete, Rodrigo Dellê de Lima; o diretor de Planejamento, Orlei Diogo de Deus; o presidente da Câmara Municipal, o vereador Osvaldo Lupepsa; os vereadores Osvaldecir Cunha (PSD), Osvaldo Verbaneck (PSDB), Aroldo Antunes Domingues (PPS), Francisco Carlos Caldas (PMDB), Alain Cesar de Abreu e Alexandro Caldas Camargo (PRP). Também o presidente do Fórum das Associações, Adir Amaral; o presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Lindomar Paulo Nascimento; o presidente do Partido Republicano Progressista (PRP), Osmar Piva; o cabo Orivaldo Domingues, do Bombeiro Comunitário de Pinhão; João Andreolla, presidente do Conselho de Segurança; Guiomar e Eduardo Peredo, diretores do Hospital Santa Cruz; Justo Mânica, gerente de Vilas da Copel em Faxinal do Céu e demais convidados.

Autoridades (Foto: Assessoria de Imprensa/PMP)
Autoridades (Foto: Assessoria de Imprensa/PMP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 3 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: