ENCONTRO DE HERMANOS

Por Marcos Serpa

Fui num dia mui lindaço

Cheio de musica e estória,

Cada um com sua alegria

Cada qual com sua história,

Recuerdos e lembranças

Relatos de trajetórias,

Com amigos do Baía,

Parceiros da dedicatória,

Meus irmãos de procedência

Que dou a mão a palmatória,

Se entereveremoco´s da cidade

Pra um churrasco de urbanidade,

Pra se marcar os anais da história.

O Terezio Cantador,

Tem na voz um tal gorjeio,

No violão a maestria

Dedos finos no floreio,

Acho que andou irmanado

Com o negro do Pastoreio

Fernandinho segunda voz

Se “acarco” e não fez feio,

Marciano, Zito, Luciano e Tigre,

Todos de caneco cheio,

Ainda deu tempo do Elineu Borcath

Tirar um retrato de arremate

Dum vivente deitando com os arreios.

        LUA NOVA – JUNHO/2019

 

 

Deixe uma resposta

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: