É TEMPO DE PLANTAR

O nosso município tem uma força gigantesca na esfera agrícola, e estamos no tempo de preparo da terra e plantio. Os agricultores têm de aproveitar o tempo certo para plantar, e mais do que isso para ter boa colheita, eles têm que plantar.

O agricultor não pode simplesmente ficar observando se o tempo passar, ou ficar imaginando coisas ruins que possam acontecer, ele precisa semear, se quiser ter colheita. Isso traz um ensinamento a todos nós, agricultores ou não, existem muitas pessoas que assumem uma postura inerte na vida, almejam melhoras, mas não correm atrás, pensam nas dificuldades dos desafios e ficam lamentando tempestades futuras, e devido a essa postura, não chegam a lugar algum.

Querem colher, mas não plantam para isso. Nas Escrituras Sagradas, encontramos várias observações com respeito ao plantio e colheita e, uma delas me chama muito atenção: “Quem fica esperando que o vento mude e que o tempo fique bom nunca plantará, nem colherá nada” (Eclesiastes 11.4).

Assumir uma postura apenas de observação da vida, não nos leva lugar algum, é necessário semear, para colher. É claro que na lei da semeadura você precisa plantar no tempo certo, para ter uma boa colheita, a grande questão é que, tem muita gente que deixa o tempo certo passar. A Bíblia usa a figura do agricultor, e afirma que se o agricultor ficar apenas observando o vento, as nuvens, e não plantar, ele não vai ter o que colher.

Quem planta nada colhe nada. O grande problema é que antes de encarar as demandas da vida, muitos ficam mensurando apenas os problemas que possam aparecer e deixam de olhar para o futuro com esperança, deixam de sonhar. Muitos pensam primeiro no pior. Não quero ser simplista e dizer que é só pensar no melhor e ir em frente; nos desafios a frente, haverá lutas, oposição, pressão e outros, mas não significa que não chegaremos lá.

Tem gente que quer um trabalho melhor, mas não se prepara, não aproveita as oportunidades de cursos e outros, não procura, apenas lamenta reclamando de tudo e de todos. Outros querem ter sucesso familiar, mas não cuidam dos seus, são ausentes, mas desejam que a família vá bem. Querem ver a família cada vez melhor, mas não semeiam o melhor.

Outros querem colher coisas boas na sua vida, mas semeiam coisas más, não dá certo. Em suma, antes de olhar para as nuvens de problemas que possam aparecer diante dos desafios, devemos olhar para além das nuvens, há o DEUS todo Poderoso que é por nós, quando tudo vai bem e quando não vai bem, Ele está no conosco no plantio, no processo de crescimento e na colheita.

Cuidado para não ficar apenas observando a vida, ela passa rápido e as oportunidades também. Estamos chegando a final de mais um ano, e se no próximo ano queremos colher mais, precisamos plantar mais e isso certamente envolve, desafios, pressões e outros mais.

Sejamos proativos, ativos e não inativos. Deus abençoe a todos e bom plantio e boa colheita.

Sandro CarvalhoRodrigues – pastor da Igreja Presbiteriana do Pinhão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 9 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: