Por  Claudemir Gulak

No Brasil em 2020, quando a devastação foi 29% menor do que em 2021, foram destruídos 8.096 km² de floresta. “Apesar de o mês de dezembro ter apresentado uma redução de 49% no desmatamento, passando de 276 km² em 2020 para 140 km² em 2021, o recorde negativo anual é extremamente grave diante das consequências dessa destruição.

Cuidar do Meio Ambiente é um dever de todos e faz bem para saúde!

As consequências são as mais graves que se pode imaginar, desde a perda de serviços ambientais; Desertificação; Aquecimento global; Contribuição para intensificação do efeito estufa, pois o desmatamento libera quantidades significativas de gases de efeito estufa, extinção de espécies essenciais para a manutenção da biodiversidade até as alterações climáticas que estão cada dia mais intensas e drásticas.

O desmatamento ilegal afeta a todos nós! Por isso, denuncie! Ligue 181, é anônimo e grátis!

Leia também: https://www.wwf.org.br/natureza_brasileira/areas_prioritarias/amazonia1/ameacas_riscos_amazonia/desmatamento_na_amazonia/

Clique  👉 AQUI   – PARA LER OUTROS ARTIGOS

 


Compartilhe

Veja mais