20 de novembro é o Dia Nacional da Consciência Negra, as escolas municipais de Pinhão/PR, trabalharam com o tema na semana de 16 a 20, cada escola buscou a sua forma de trabalhar a cultura e a história dos negros no Brasil e debater a questão do preconceito racial.

Histórias que ensinam

Para  discussão em sala de aula sobre a discriminação por causa da cor da pele ou a questão sobre a beleza dos diversos tipos de cabelo, a escola municipal Nossa Senhora da Glória, encontrou um jeito diferente, optou por  trabalhar com histórias infantis que retratam a realidade das crianças negras.

De acordo  com a diretora da escola, Celma França de Oliveira, a ideia de trabalhar a questão da Consciência Negra com a contação de histórias foi da professora Martha e Leonilda, “Elas trouxeram a sugestão ao grupo de professores, eles gostaram, e pelo que tenho acompanhado, o trabalho tem sido ótimo, os alunos curtem ouvir as histórias e elas ajudam as professoras a trabalharem o tema em sala de aula”

5 histórias, muita emoção e aprendizagem

Foto: Nara Coelho/Fatos do Iguaçu

As professoras Martha Loureiro Gomes e Leonilda contaram para cada uma das turmas da escola história infantil, elas iam contando usando objetos diversos levando as crianças a viverem a história. Todas as histórias envolviam  a cultura negra ou questões de racismo.

As crianças ouviam atentas, quietas, com os olhos atentos, vivendo cada pedacinho da história que era contada.

Ao final de cada história as crianças voltavam para sua sala de aula e a professora trabalhava o tema central da historia dentro das diversas disciplinas ao mesmo tempo que trabalhavam a questão do respeito a todos, do quanto é importante que se compreenda que cor de pele e tipo de cabelo não define as pessoas.

Que a cultura negra é tão linda, rica e importante como todas as demais culturas que formam a etnia brasileira. Jucilma Marques Campos, professora de Geografia e História, do 1º ano, disse que a contação de história, contribuiu muito para o desenvolvimento das atividades em sala de aula sobre o dia da consciência Negra.

Sábado foi com vídeo

As professoras gravaram em vídeo uma história que foram enviadas para os alunos junto com as atividades que as professoras enviaram para que os alunos as desenvolvam em casa.

Esse vídeo a secretaria de Educação do município aproveitou e enviou para todos os alunos da rede municipal de ensino.

Curta o vídeo de uma das histórias contada pela professora Martha:


Compartilhe

Veja mais