Foto: Ascom/PMPho

Redação Fatos do Iguaçu

As equipes de combate à Dengue têm realizado um intenso trabalho em vários pontos do Município combatendo focos para evitar o desenvolvimento do mosquito Aedes Aegypti.

Visitando pontos  onde há mais probabilidade do mosquito se desenvolver como borracharias, ferros velhos e Cemitérios, além de locais onde há maior acúmulo de lixo.

ESTADO – A Secretaria de Estado da Saúde confirmou em boletim epidemiológico divulgado no dia (14) mais 27 óbitos por dengue, que estavam em investigação. As mortes ocorreram desde o início de fevereiro, mas somente nos últimos dias tiveram a conclusão da causa definida como dengue.

Os dados do boletim semanal mostram 114.711 casos confirmados da doença no período, 12% a mais que o boletim anterior, que trazia como total 102.427. Em todas as 22 regionais de saúde já há casos confirmados. No total, 333 municípios registraram pessoas com a doença. Isso representa 83% dos municípios paranaenses.

Em recente entrevista ao FATOS DO IGUAÇU o secretário municipal de Saúde  de Pinhão -PR Ivonei Lima desabafou que parte da população não está fazendo sua parte na limpeza de seus terrenos e faz um apelo “nos ajudem a também combater esse mal, vamos aproveitar esse momento de recolhimento em nossas casas para aproveitar para fazer a limpeza, não adianta nós nos livrarmos do Coronavírus e o mosquito vir dentro de nossa casa transmitir a dengue”.

  

 

 


Compartilhe

Veja mais