Sicredi realiza a Semana de Meio Ambiente

Redação Fatos do Iguaçu

Informe Publicitário – A maioria das pessoas desconhecem como é fácil, econômico e sustentável adquirir equipamentos de energia solar.

Juntando sustentabilidade e economia

Adquirir e instalar sistemas de energia fotovoltaica (energia solar) hoje é mais simples do que as pessoas imaginam, além de colaborar com o meio ambiente a pessoa reduzirá gastos com energia elétrica.

Segundo o gerente da agência da Sicredi, no municipio de Pinhão/PR, Giovani Chinaider, ao instalar a energia fotovoltaica, a pessoa já percebe nas despesas domésticas uma grande redução com os gastos em relação à energia.  No início a própria economia pagará o investimento para a colocação do sistema.

Ouça Giovani falando das vantagens de tê-la em sua residência, propriedade rural ou empresa.

Projeto de energia solar tem financiamento no Sicredi

Entre as alternativas criadas pela Sicredi para atender aos associados, além do crédito para energia solar está o Consórcio Sustentável, que funciona como uma poupança programada, permitindo adquirir o equipamento ecoeficiente a partir da contemplação por sorteio ou lances fixos e livres. Atualmente, o Consórcio conta com planos de 60 a 120 meses para compra de geradores de energia solar ou eólico, equipamentos de tratamento de água e esgoto e de iluminação de LED e aquecedores solares para água, entre outros. A carteira atual do produto é composta por R$ 1,1 bilhão em créditos e 21 mil cotas. Em relação ao mesmo período anterior de 2020, o produto cresceu 37,8% em créditos e 21,6% em cotas.

Sicredi realiza Semana do Meio Ambiente

Com o objetivo de levar informações sobre a facilidade em adquirir e instalar sistema de energia fotovoltaica (energia solar), a Sicredi Planalto das Águas realiza de 31 de maio a 04 de junho a Semana do Meio Ambiente. A ação, além de homenagear o Dia Mundial do Meio Ambiente (05/06), mostra a preocupação em facilitar o acesso às alternativas renováveis que, além de ser uma ótima opção para reduzir a conta de energia elétrica, possibilitam diminuir impactos ambientais.

Giovani destaca que, caso você não possa ir até as agências Sicredi nessa semana, não tem problema, “Essa é uma semana especial pois aproveitamos para destacar a importância de cuidarmos do nosso Meio Ambiente, mas eu e toda a equipe da agência aqui do Pinhão, como das demais agências do Sicredi estamos sempre prontos para receber nossos cooperados ou mesmo pessoas que queiram conhecer essa linha de financiamento para a instalação da energia solar ou outra das nossas linhas de financiamentos”.

Sicredi está afinado com preservação do Meio Ambiente

Internamente, o Sicredi segue uma Política de Sustentabilidade e Responsabilidade Socioambiental que tem entre seus pilares a difusão da sustentabilidade, a gestão de riscos socioambientais e operação com eficiência.

o Diretor de Negócios da Sicredi Planalto das Águas PR/SP, Eric Ranullfo Martins, explica que Sicredi busca em suas ações preservar o Meio Ambiente, “A busca por iniciativas ecoeficientes como o uso de energia renovável, está alinhada a um movimento global em busca da redução das emissões de gases de efeito estufa, ao qual estamos engajados no Sicredi. Buscamos sempre alternativas para que os nossos associados tenham acesso ao crédito de forma rápida e segura para apoiar seus projetos sustentáveis e, ao mesmo tempo, estamos criando soluções para também tornar a nossa atuação ainda mais sustentável”.

Em São Paulo e Paraná despontam em agências sustentáveis

Hoje já são mais de 35 pontos de atendimento ao associado nos estados do Paraná e São Paulo que funcionam com sistema fotovoltaico. Além das agências, o sistema de energia solar funciona nas sedes administrativas de diversas cooperativas ligadas à Central Sicredi PR/SP/RJ.

Somado ao propósito de sustentabilidade e ecoeficiência, o Sicredi neutralizou 27.272 toneladas de gases de efeito estufa (GEE) emitidas entre 2015 e 2019 pela operação da sede da Central Sicredi PR/SP/RJ, localizada em Curitiba (PR), e das 732 agências da instituição financeira cooperativa instaladas no Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro. A neutralização foi efetuada por meio de diferentes ações como a conservação de floresta nativa de Mata Atlântica em uma área de 85,5 hectares, que compensou 7.227 toneladas de CO2 emitidas entre 2015 e 2018. Já em âmbito nacional, os gases de efeito estufa (GEE) emitidos em operações de 2019 por todas as agências do Sicredi no país foram neutralizados por meio do apoio ao Projeto REDD+ Jari Pará – iniciativa que gera créditos de carbono de conservação florestal na Amazônia e tem o apoio da Biofílica. A ação neutralizou 35.793 toneladas de gases de efeito estufa emitidos em todo território nacional.

Sicredi e o Pacto Global e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Integrante do Pacto Global proposto pela Organização Mundial das Nações Unidas (ONU), o Sicredi é comprometido com os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Na operação junto à IFC estão sendo atendidos os objetivos 7, 9, 13 e 17, que tratam, respectivamente, de Energia acessível e limpa; Indústria, inovação e infraestrutura; Ação contra a mudança global do clima; e Parcerias e meios de implementação

Conheça mais sobre as ações e estratégias do Sicredi com relação ao desenvolvimento sustentável no link: www.sicredi.com.br/site/sobre-nos/sustentabilidade/


Compartilhe

Veja mais