Capa e Editorial da Edição nº: 794

                                                             Aplauso e Parabéns!!!

Nesta edição, a gente sente o cheiro de desenvolvimento, de crescimento, de esperança que as coisas melhorem. Temos várias reportagens que vão da saúde a homenagens a pinhaõense e reservense. Contudo, há três reportagens que demonstram a vontade de acertar, de ir ao encontro das necessidades dos munícipes. Duas de Reserva do Iguaçu e uma que envolve os dois municípios. Numa, fala-se da organização das mulheres de Reserva do Iguaçu, que mesmo tendo passado por um período de quatro anos de estagnação, transformam a esperança em dias melhores, em ação e se reorganizam criando o Comitê das Mulheres Reservenses para ir juntas em busca de melhores condições de vida para si e para suas famílias e, consequentemente, levaram o município ao crescimento. Parabéns a elas pela iniciativa e determinação. Para crescer, se desenvolver um país, estado ou município, com certeza não existe outro caminho que não seja a educação, e tendo claro que cidades pequenas, que tem como base econômica a agricultura, não há distinção entre aluno do interior e da sede, todos são  do campo ou estão intimamente ligado, ao campo. Assim, a formação da Escola da Terra, em Reserva do Iguaçu, é ofertada a todos os professores e pedagogos municipais. Isso mostra que a Secretaria de Educação respeita os alunos e sua cultura, que tem uma visão muito clara do  que é preciso realizar para que a educação  no município deslanche, sabe muito bem aonde quer chegar e tem demonstrado isso em suas ações. Mostra organização, pois dar formação a todos e criar um pensar e agir pedagógico e sem dúvida nenhuma, é investir no desenvolvimento local. Parabéns e sucesso, é o que podemos dizer a essa secretaria. Tem nessa edição homenagem a uma funcionária pública reservense pelo bom serviço prestado e uma homenagem muito sincera, já que foi feita por alguém que foi atendido, acompanhado pela servidora pública mostrando que o bem atender, que realizar o trabalho com disposição de forma prestativa foi e sempre será valorizado. E a um pinhãoense que foi além do básico, que acreditou e apostou no futuro, sendo um dos criadores da associação dos fundos de previdência do Paraná, mostrando que é preciso deixar a pequenez de lado e plantar hoje para colher amanhã e que quem faz trabalho sério, pensando no bem comum, com certeza se estabelece e ganha reconhecimento. Aplausos e em pé para esses dois servidores públicos. Outra iniciativa que merece aplausos é a da Emater e Cantu de reunir os municípios para elaborarem um regulamento do SIM em consenso único para a região. A iniciativa merece aplausos, pois vai abrir caminhos para o desenvolvimento das agroindústrias de origem animal, vai permitir que a agricultura familiar agregue valor a seus produtos e isso gira a roda da economia nos municípios e na região. E ser um regulamento comum, mostra união e força, até porque para que um município de fato cresça, é preciso que toda a região cresça. E os representantes da Secretaria da Agricultura de Pinhão estavam lá, isso é muito bom, pois agora nasce a esperança que esse regulamento, já cantado em verso e prosa, de fato aconteça. Aplausos aos vereadores de Pinhão, que foram participar da elaboração do regulamento. Mas aplausos mesmo, serão dados se, na hora de discutir o projeto de lei sobre a regulamentação do Sim no legislativo as discussões sejam técnicas e que os entraves políticos fiquem de fora, senão, corre-se o risco de todo um trabalho de organização cair por terra. Mas, como pinhãoense e reservense são brasileiros e todo brasileiro não desiste nunca, vamos acreditar no bom senso e disposição pelo crescimento dos municípios de todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 10 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: