É hoje, 17 de maio de 2022 que o Jornal Fatos do Iguaçu completa 9.125 dias dedicados a levar informação aos seus leitores.

Alguns já estão pensando, capaz que é tudo isso, afinal, tem os fins de semana…

Tem mesmo, porém, quem trabalha com a informação, a notícia, não diferencia segunda da sexta-feira, do domingo ou mesmo feriado, o fato aconteceu, lá estamos nós, os jornalistas, seja de dia, de noite ou madrugada.

Foram muitas reportagens na chuva, no vento, na geada, no sol escaldante, na neve, no pó e no barro…

Contudo, o que sempre ficou na lembrança, não foram os sofrimentos passados devido às intempéries do tempo, mas a satisfação de ter levado com detalhes os fatos, as notícias aos nossos leitores.

Contrariando a previsão de muitos que diziam que era um jornaleco que vem para um mandado político, o Fatos do Iguaçu completa 25 anos!

Sim, 25 anos dedicados a levar às pessoas notícias sobre os acontecimentos marcantes da vida e da história dos municípios de Pinhão e Reserva do Iguaçu e região.

25 anos de trabalho árduo, sério, dedicado, responsável e comprometido com o compromisso de ser mais que uma fonte de notícia, o de ser um agente de formação de opinião, um espaço para os grandes debates dos temas essenciais à população pinhãoense e reservense.

Nesses 25 anos não foram só os fatos marcantes que o Fatos do Iguaçu registrou, muito mais, falou do jeito de ser do povo, contou sobre seu cotidiano, suas angústias e suas vitorias.

Fomos muitas vezes a voz dos que tinham medo de falar.  Demos visibilidade aos que precisavam ser vistos e ouvidos.

Nos 25 anos não só levamos a notícia, mas vivenciamos os problemas dos dois municípios que escolhemos para fincar nossas raízes, e, em muitos deles, provocamos as discussões, os debates para que as necessidades do povo fossem atendidas.

Afinal, o hominho das charges da PR. 459 fez com certeza a diferença para que a ligação asfáltica entre Pinhão e Reserva do Iguaçu se concretizasse.

Fatos do Iguaçu está aí há 25 anos porque um dia o seu diretor ,Naor Coelho, sonhou com ele e teve a ousadia de ir em busca da realização do seu sonho, quando o seu Oldemar Hoffmeister  o provocou, criou a oportunidade de transformar o sonho em realidade.

Porém, sonho sonhado só é só um sonho, já dizia o poeta, mas o Fatos foi o sonho de muitos que por ele passaram, João e Adriano  chargista, Edineia Schoemberger, que por mais de 10 anos foi do faz tudo a jornalista. Ana e Almir Cardoso, fotógrafos, que deram mais cor e vida com suas fotos às reportagens.

Layse, jornalista formada, que abraçou a causa do Fatos do Iguaçu por um bom tempo, escrevendo e orientado as reportagens.

Impossível pensar em Fatos do Iguaçu sem pensar em Andréa Alves, a Andreinha, que esteve lá na primeira diagramação e conosco ficou por quase 20 anos, passando inclusive a ser jornalista do Fatos do Iguaçu.

Tantos outros profissionais que por algum tempo deram sua contribuição para que o Fatos do Iguaçu chegasse até os seus 25 anos.

Claro, só chegamos aos 25 anos porque tivemos os articulistas, os empresários que acreditaram e perceberam que era uma proposta séria, que tinha o propósito de ficar e não ser passageira. Tinha autonomia e independência para fazer um jornalismo competente e sério.

O agradecimento e aplausos, vão claro para os assinantes e leitores do Jornal Fatos do Iguaçu, que durante 23 anos foi impresso, foram 936 edições impressas e entregue aos leitores interruptamente.

O mundo se desenvolve, evolui, se transforma e o Fatos do Iguaçu acompanhou a transformação, há 12 anos criou o site jornalístico www.jornalfatos.com.br , hoje a base jornalística do Fatos do Iguaçu.

Com ele veio a TV Fatos, que teve o programa Sem Edição, comandado pela jornalista Nara Coelho, entre tantas outras reportagens, que abordaram denúncias, belas histórias de vidas, política, saúde, educação, violência doméstica e tantas outras.

Nesses 25 anos foram muitas angústias vividas para ter todos os dados, as informações necessárias para levar até o leitor os fatos reais, com a versão de todos os lados, muitas vezes na contagem contra o tempo, afinal, tinha dia e hora certa para o fechamento de cada edição.

Nesses 25 anos, as decepções, frustrações, tristezas, perrengues, falta de grana, foram muitas vezes vividos…Mas, nada abateu a determinação, a esperança, o desejo de fazer um Jornal de qualidade que levasse para o mundo o viver, o sonhar, as conquistas, dificuldades e vitorias dos pinhãoenses e reservenses.

Ao chegar aos 25 anos, o Fatos do Iguaçu vem se renovando e hoje, completando a área do jornalismo e alçando vôo na área do entretimento, está há dois anos com a Web Rádio Fatos que, como o Jornal Fatos, veio trazendo um novo jeito de ouvir rádio, e veio para ficar.

Olhar a trajetória do Fatos do Iguaçu nesses 25 anos, sem falsa modéstia, é uma trajetória que nos orgulha, pois ele se propôs a ser um Jornal regional e o faz com maestria, e conta com a credibilidade dos seus leitores, telespectadores e ouvintes.

Não foi e não é perfeito, porque é feito por homens e mulheres falíveis, porém, sempre tiveram como premissa maior a verdade  e o compromisso de levar a noticia séria, mas muito mais de ser um espaço que dá a vez e a voz a todos.

Hoje o dia é de pura alegria e gratidão a todos que contribuíram para a bela e marcante trajetória dos 25 anos do Fatos do Iguaçu

 


Compartilhe

Veja mais