Se esquecendo do óbvio

Vocês já perceberam que as coisas mais óbvias, são as mais esquecidas e ignoradas pelas pessoas? Exemplos, tem aos montes. A placa “não jogue lixo na rua”, não necessitaria, pois é obvio que não pode jogar lixo na rua. Veja outro exemplo, “dirija com prudência”, é outra advertência tão óbvia, pois todos sabem que a imprudência no trânsito pode levar a morte ou a sequelas e consequências danosas e permanentes. Infelizmente as pessoas precisam ser relembradas do óbvio, pois é justamente do óbvio que elas se esquecem. Todos sabem que devem gastar menos do que ganham, mas via de regra muitos entram em muitas armadilhas trazendo para si dificuldades financeiras enormes, porque se esqueceram de um princípio óbvio. Todos sabem que a droga é uma droga, mas infelizmente muitos são escravizados pela dependência, trazendo problemas sérios para si e para sua família. Veja na questão familiar, os pais sabem que devem ensinar seus filhos, desde a mais tenra idade, a fazerem o que é certo; os pais sabem que precisam investir na família, dar tempo a família, mas essa obviedade é esquecida em muitos lares (e depois ainda dizem: onde foi que erramos?). Na fome pelo ter, muitos se esquecem da família. Precisamos resgatar o valor do óbvio. Para crescer na vida, para viver uma vida bem vivida, para evitar o que é prejudicial, é necessário viver e praticar as coisas óbvias. É obvio ser honesto, correto, bom cidadão. É obvio ser fiel no seu relacionamento, ser um bom pai, uma boa mãe, um bom filho. É obvio fazer o seu trabalho com excelência, é óbvio que se deve cuidar da saúde. É óbvio que tratar bem os outros é fundamental. É óbvio que as ideologias que querem que o anormal seja normal, devem ser rejeitadas. É obvio que o que fere princípios e valores fundamentais precisa confrontado. É óbvio que a Igreja deve ser igreja fora das paredes do templo. É óbvio que ser cristão é muito mais do que ir a igreja ou fazer parte de uma igreja, tem haver com prática coerente com aquilo que se aprende com respeito a Palavra de Deus. É óbvio que pessoas são mais importantes do que coisas. É óbvio que se deve apoiar todas as medidas contra a corrupção. É óbvio que os representantes do povo devem verdadeiramente representar o povo e não simplesmente uma bandeira partidária. É óbvio que se deve pregar o que vive e viver o que prega. É óbvio que o mundo foi criado por Deus, assim como também é obvio que todo ser humano tem vazio que só pode ser preenchido por Deus. Que Deus nos ajude a não nos esquecermos do óbvio no nosso dia a dia. que as placas, os avisos óbvios apenas possam mostrar que estamos fazendo o que é certo. (é óbvio que se eu não mandar esse artigo para o jornal, não vai ser publicado).

Que Deus abençoe a todos

Rev Sandro Carvalho Rodrigues  – pastor da Igreja Presbiteriana do Pinhão

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − dezoito =

%d blogueiros gostam disto: