Capa e Editorial da Edição nº776

776p1.jpg

25 de novembro de 2016

Rir nem sempre é o melhor remédio

Não é nem um pouco engraçado olhar as estatísticas e lá verificar um número alto de mortes provocadas pelo câncer de próstata. E menos engraçado ainda é saber que mais de setenta por cento desses óbitos poderiam ter sido evitados com exames simples. Na reportagem dessa semana sobre o Novembro Azul, abordamos a ironia, as piadas, do tempo que as pessoas perdem montando vídeos que tiram sarro do exame de próstata, disseminando mais ainda o preconceito contra a prevenção, o cuidado que o homem precisa aprender a ter com a sua saúde. E pior, essas mesmas pessoas não aproveitam o mesmo tempo para ler sobre o câncer de próstata e sobre o próprio exame para montar um vídeo que diga, “Vai lá faça, o exame é um só toque, que pode garantir de você receber por muitos anos muitos toques de amor de sua esposa, filhos, mãe”. O preconceito precisa ser combatido, pois as pesquisas mostram que é a desinformação e o preconceito que afasta os homens da prevenção do cuidar-se. É ele que faz com que tantos lares fiquem de repente sem pais e maridos. Rir é bom demais, brincar é alegrar a vida. Porém, brincar com coisa séria e que se pode dizer brincar com a vida, é irresponsabilidade. Por falar em irresponsabilidade, essa edição traz outra chamada de atenção no se cuidar, que também vem carregada de preconceito – os cuidados e prevenção contra a AIDS, sim a AIDS continua no nosso meio e ceifando muitas vidas. A prevenção da AIDS é mais simples ainda, é só usar o preservativo, a camisinha. E aqui a responsabilidade é de ambos, de homens e mulheres. Homens devem tornar o uso da camisinha um hábito, porque o vírus da AIDS, o HIV, vive encubado por muito tempo no corpo e vai se espalhando por ai. E sexo com camisinha não é chupar bala sem tirar o papel, é sexo seguro, sexo com prevenção, é sexo com paixão, mas com respeito a si e à parceira ou parceiro. Mulher que se ama, que ama a vida não faz relação sexual sem camisinha. Sim entre os empoderamentos da mulher está o de dizer, “relação sexual só com camisinha.” Porque hoje tem tratamento para a AIDS, as pessoas conseguem uma sobrevida maior, mas com constantes cuidados e o uso direto de coquetéis de remédios, mas ainda não tem cura. E as estatísticas mostram que ela continua matando e muito, inclusive crianças. Assim, fazer o exame de próstata e usar camisinha é preservar a vida e um toque de amor em todos que se ama.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *