Nome social chega a 123 títulos no Paraná

Os números do estado representam 8,4 % do total das solicitações no Brasil

No estado do Paraná, desde o dia 3 de abril, data em que os cartórios eleitorais passaram a receber solicitações de inclusão do nome social no título de eleitor, foram emitidos 123 títulos com o nome social, 33 deles em Curitiba. No Brasil, segundo dados levantados até o final da semana passada, foram mais de 1,4 mil títulos emitidos com o nome pelo qual travestis e transexuais desejam ser chamados.

Em março, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reconheceu, para fins de registro no título de eleitor, o uso do nome social. Os ministros do TSE ainda decidiram que o cadastro eleitoral vai manter os nomes social e civil. Para solicitar a inclusão do nome social no título, é necessário que o requerente compareça ao cartório eleitoral do seu município até o dia 9 de maio portando documento oficial com foto.

Fonte: TRE-PR

Um comentário em “Nome social chega a 123 títulos no Paraná

  • 25 de abril de 2018 em 11:28
    Permalink

    Vergonha nacional. Uma pessoal normal labuta a vida toda para substituir seu nome de registro, muitos morrem sem conseguir. Já uma classe superpretegida por sistema politicamente incorreto consegue em pouquissimo tempo essa façanha.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 5 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: