Capa e Editoral da Edição nº: 840

Não tem como fugir dela

Mesmo para os que têm credo diferente, é indiscutível, a páscoa faz as pessoas pararem, pensarem, refletirem sobre suas vidas, até porque é impossível ignorar a vida, e principalmente as palavras de um homem que dividiu a história em antes e depois Dele. Não precisa nem entrar no mérito se ele é santo, sé é o messias prometido ou o filho único ou não de Deus.

E nem se prender ao sacrifício na cruz, inclusive discutir se foi sacrifício, já que era assim que se condenava naquela época, a questão não é a morte, mas a vida, o legado em ensinamento que Ele deixou. E olha que suas palavras foram simples e sempre bem didáticas, já que vinham acompanhadas de parábolas. Ele não exigiu nada, só indicou o caminho da vida em comunhão com o outro, logo, o caminho para a felicidade.

Mas, mesmo estando há mais de dois mil anos revivendo os atos finais do Cristo, ou seja, celebrando a páscoa, ainda não aprendemos a vivenciar sua lição de vida. Ainda olhamos para o outro com indiferença ou julgando. Ainda preferimos espalhar a fofoca a evitá-la. As pedras continuam sendo atiradas sem a menor preocupação sem sequer  verificar se de fato o outro merece ser apedrejado, se é que existe alguém que mereça ser apedrejado e alguém que realmente possa atirar a primeira ou a centésima pedra, porque tanto faz qual é a pedra, ela vai sempre machucar, ferir.

O mundo, com certeza, não anda lá essas coisas, não é por acaso, muito menos coisa do maligno, é coisa de gente mesmo. Sim, o mau humor, a avareza, a ganância, a vingança, o orgulho, a preguiça, a indiferença, a inveja, o comodismo, o desdém, são os males que estão na raiz de toda a maldade que há no mundo. Seja essa maldade um comentário maldoso sobre o colega de trabalho ou vizinho, ou seja, o ato de um desvio de um grande volume de dinheiro público ou o assassinato de uma pessoa.

É, a humanidade tem muito a aprender. Como uma das coisas que Ele ensinou foi a paciência, o acreditar sem ver, o perdão, o recomeçar e deixou muita esperança, vamos nos encher dessa esperança e acreditar que nessa páscoa todos nós vamos conseguir renascer um pouco melhor, mais carinhosos, atenciosos, alegres, solidários, fraternos, abertos ao outros ao diferente e principalmente ao amor.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + 5 =

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: